domingo, 8 de março de 2015

Dia Internacional da Mulher, parabéns!



Hoje, dia 08/03/2015, se comemora o Dia Internacional da Mulher, mas você sabe porque este dia foi escolhido? Segundo alguns autores, esse dia foi escolhido em homenagem ao dia 08 de março de 1857, onde algumas mulheres do setor têxtil de Nova York, em uma manifestação por melhores salários, foram trancadas em uma fábrica, onde a mesma foi incendiada com as manifestantes dentro, dia em que, obviamente elas morreram.

Para homenagear todas as mulheres que conheço, bem como as leitoras de meu Blog; de todas as mulheres da Bíblia, escolhi quatro para fazermos um estudo:

MARIA - A Virgem escolhida por Deus

"... e o nome da virgem era Maria" (Lucas 1:27).

Dentre tantas mulheres judias, Deus decidiu escolher uma jovem virgem, de uma família pobre, da cidade de Nazaré, para ser a mãe de Jesus, o nosso Salvador. O seu nome era Maria e ... foi a ela que Deus enviou um anjo para fazer um anúncio que a deixou perturbada, pois ela não estava entendendo o que seria tudo aquilo. Um anjo lhe apareceu e lhe disse: "... Salve, agraciada; o Senhor é contigo; bendita és tu entre as mulheres" (Lucas 1:28).
Quando o anjo apareceu a Maria, ela estava noiva de José. Não sabemos, exatamente, quantos anos ela tinha mas a idade mínima para as moças se casarem era de 12 anos. Não sabemos quantos anos ela tinha mas de uma coisa nós sabemos: Maria amava ao Senhor e era uma serva obediente a Ele.
Será que você e eu amamos a Deus como Maria amava?
Será que você e eu somos servas fiéis, sempre prontas a obedecê-Lo? Sempre prontas a dizer sem nenhuma hesitação: "Eis-me aqui, Senhor, usa-me!"?


PRISCILA - A Grande Propagadora do Evangelho

"Saudai a Priscila e a Áquila, meus cooperadores em Cristo Jesus, Os quais pela minha vida expuseram as suas cabeças; o que não só eu lhes agradeço, mas também todas as igrejas dos gentios" (Romanos 16:3-4).

Priscila não tinha medo nem vergonha de falar de Jesus àquelas pessoas que criam em outros deuses. Ela era uma mulher impetuosa, batalhadora e tinha um alvo... evangelizar os perdidos falando do plano de salvação através de Jesus Cristo.


A MULHER CANANÉIA - Humilde E Cheia De Fé

"Ó mulher, grande é a tua fé! Seja isso feito para contigo como tu desejas" (Mateus 15:28).

A mulher cananéia não era judia mas tinha qualidades em sua vida que agradavam a Deus. Ela era humilde, uma boa mãe mas passava por tribulações que a faziam sofrer muito. Sua filha vivia possuída por um demônio que a atormentava muito. A filha sofria muito mas ela, certamente, sofria muito mais. Quando nosso filho está passando por momentos de tribulação ... seja na saúde, nos estudos, no namoro, na vida espiritual ... nós estamos, juntamente com ele, sofrendo e pedindo a Deus que o ajude a superar estes momentos difíceis.


A MULHER COM FLUXO DE SANGUE - A Que Foi Curada E Salva Pela Fé

"Ouvindo falar de Jesus, veio por detrás, entre a multidão, e tocou na Sua veste. Porque dizia: Se tão-somente tocar nas suas vestes, sararei" (Marcos 5:27-28).

Quando ela soube que Jesus curava e fazia muitos milagres, seu coração se encheu da certeza de que esta seria a sua chance de cura. A multidão que seguia Jesus era muito grande mas a sua vontade de ficar boa era muito maior. Não importava quantas pessoas ela teria que enfrentar, o importante era que ela tivesse, pelo menos, a chance de tocar nas vestes dEle.


RUTE - A Bisavó Do Rei Davi

Quão preciosa é, ó Deus, a tua benignidade, pelo que os filhos dos homens se abrigam à sombra das tuas asas”. (Salmo 36:7)

Rute foi uma mulher que decidiu, em seu coração, ter Deus em sua vida como Senhor mesmo tendo a oportunidade de escolher entre Ele e sua família. Ela era casada mas seu esposo, filho de Noemi, faleceu. Sozinha, ela fez uma decisão: não voltar para os seus familiares mas ficar com a sua sogra a quem ela muito amava. Ela iria para uma terra distante cujo povo tinha como Deus, Aquele que, verdadeiramente, havia criado o céu e a terra. Rute era jovem, tinha um bom coração e era forte e decidida.

Por fim, deixo para vocês, homens e  mulheres, solteiras, casadas, noivas, namoradas, a palavra que está em Provérbios 31: 10-31, onde o Senhor sonha ser uma mulher virtuosa. Novamente parabéns, e lembrando a música de Erasmo Carlos: "Dizem que a mulher é o sexo frágil, mas que mentira absurda; eu que faço parte da rotina de uma delas, sei que a força está com elas". Na verdade, eu faço parte da rotina de várias delas, e posso afirmar que nós, os homens, é que somos o verdadeiro sexo frágil. 

"Mulher, mulher, na escola em que você foi ensinada, jamais tirei um dez, sou forte
, mas não chego aos seus pés."

Pesquisa: http://campenhe-mulheres.blogspot.com.br/

Graça e Paz, que o exemplo de Jesus Cristo nos inspire a sermos pessoas melhores.

Bruno Freitas (Carioca)
Servo inútil / Pastor / Dentista


segunda-feira, 2 de março de 2015

Quaresma, tempo de preparação.


Há um pouco mais de uma semana, na quarta-feira de cinzas, começamos mais um período em nosso calendário cristão, ou ainda, mais um tempo litúrgico, a Quaresma, a qual termina na quinta feira santa pela manhã. Mas o calendário litúrgico se inicia não no dia 01 de janeiro, mas no primeiro domingo do advento, ou quatro domingos que antecedem o Natal, e este ano litúrgico que estamos vivendo se iniciou no dia 30 de novembro de 2014. Após este período de Quaresma iremos entrar no Ciclo Pascal que inicia-se na quinta-feria santa e termina no dia de Corpus Christi, dia 04 de junho de 2015.

Mas o que é a Quaresma? Este é um termo em latim, que quer dizer quarenta, no nosso caso, os quarenta dias que antecedem a festa mais importante do nosso calendário, a Páscoa. A duração da Quaresma está baseada no símbolo que o número quarenta tem na Bíblia. nesta, é falada dos quarenta dias do dilúvio, dos quarenta anos de peregrinação do povo judeu pelo deserto, dos quarenta dias de Moisés e Elias na montanha, dos 400 anos que durou o exílio dos judeus no Egito. Este é um momento em que podemos, também, fazer um memorial aos quarenta dias que Cristo passou no deserto, onde ali se preparou para tudo que viria em seu ministério. E porque a Páscoa é a festa mais importante do nosso calendário? Pois para nós cristãos, há 2015 anos atrás Jesus morreu em nosso lugar, e o mais importante, venceu a morte e ressuscitou. Aleluia!!!

O Tempo de Quaresma, é um tempo de recolhimento, de preparação para a Páscoa, onde devemos purificar nossos corações, é um tempo ideal para meditarmos sobre a vida, sobre o mundo que nos cerca, sobre nossas atitudes frente aos oferecimentos do mundo e, principalmente, o que esperamos do nosso futuro como cristãos. É neste momento, que Cristo nos convida a fazer deste um caminho para nos achegarmos a Ele, através do estudo da Palavra, da oração e do jejum. É o tempo de pedir e liberar perdão, momento de se reconciliar como seu irmão, tempo de entender que precisamos tomar a nossa cruz com alegria e receber a glória da ressurreição.

Desta forma convido a vocês, para juntos, vivenciarmos este momento de profunda espiritualidade, onde assim como Cristo motivou seus discípulos dizendo "no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo." (João 16:33b), sejamos também motivados a enfrentar nossas lutas, independente de qualquer coisa, pois morremos com Cristo, vivemos com Ele e vencemos com Ele. Deus nos abençoe.

Graça e Paz, que o exemplo de Jesus Cristo nos inspire a sermos pessoas melhores.

Bruno Freitas (Carioca)
Servo inútil / Pastor / Dentista

domingo, 18 de janeiro de 2015

Amem-se uns aos outros

É engraçado como, de tempos em tempos, eu sinto uma necessidade de voltar a escrever neste blog, não sei bem explicar o porque, mas sinto como se fosse um dever que eu, por conta da correria da vida, acabo deixando de lado, nunca esquecido, mas tempo de me debruçar sobre os teclados e deixar Deus falar através de mim.

Há alguns dias tivemos um massacre no jornal francês Charlie Hedbo, não pensem que quero alavancar meu blog com esta notícia, ainda mais que tudo já foi falado, críticas tanto aos terroristas, quanto ao tipo de matéria que era veiculada por este jornal. Também fiz minhas considerações sobre tudo em resposta a outra pessoa que dizia em um post no Facebook: "Je suis Charlie" que quer dizer "eu sou Charlie", mas como eu disse, não vou aqui tecer nenhum comentário sobre esse episódio, realmente triste da história mundial, desastroso em seu início, meio e fim, como uma tragédia anunciada vemos um jornal tomar o caminho do escárnios religioso, que recebe protestos pacífico em frente ao seu jornal, é processado pelo que faz e nada acontece, e por fim acaba acontecendo o que aconteceu. Sou totalmente contra qualquer ato de violência, principalmente com tamanha desproporção de forças, mas imagine você sendo achincalhado e não ter voz contra alguém que dia após dia fala mal de você e ao falar com quem se entende ser a pessoa que irá te ajudar, este prefere fingir que nada vê?

O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei. 
(João 15:12)

Imaginem como seria o mundo se todos praticassem esse ensinamento do Cristo, se antes de praticarmos algo, se antes de escrevermos algo, nos colocássemos no lugar do outro. Muitas vezes nos perguntamos como chegar a estatura do varão perfeito? Como nos assemelharmos ao modelo de Cristo? Acho que esse versículo chega bem perto do que precisamos ser.

Nessa primeira postagem neste blog, é essa mensagem que quero deixar para nós, se coloque no lugar do outro, imagine o que sente o outro com a sua atitude, imagine se você gostaria que fosse com você. Parece ser tão simples, talvez este texto seja até visto como um texto bastante simplório, coisa de amador ou de iniciante, mas lembremos que Jesus falou que precisamos ser como crianças para receber o Reino de Deus.

Bem, aqui vou terminando esta primeira postagem de 2015, espero que a primeira de muitas, ainda bastante enferrujado, mas disposto a falar de Deus de uma maneira simples e direta. Aproveito para compartilhar com os irmãos, que no final de 2014 conclui o seminário e em 08/05/2014 fui ordenado pastor da Igreja Episcopal Carismática do Brasil, da qual faço parte. Deus nos abençoe.


Graça e Paz, que o exemplo de Jesus Cristo nos inspire a sermos pessoas melhores.

Bruno Freitas (Carioca)
Servo inútil / Pastor / Dentista





quarta-feira, 4 de junho de 2014

Salmos 51:1-2

Tem misericórdia de mim, ó Deus, segundo a tua benignidade; apaga as minhas transgressões, segundo a multidão das tuas misericórdias. Lava-me completamente da minha iniquidade e purifica-me do meu pecado.
                         (Salmos 51:1-2)

Bom dia, irmãos, ao ler este texto me vem a mente algumas coisas que podemos discutir, uma delas é que Deus realmente está disposto a nos perdoar de nossos erros, não importa o que você tenha feito, pois a benignidade e misericórdia de Deus não têm tamanho nem fim. Posto isso, tendemos a cair em dois erros, o primeiro é achar que podemos pecar à vontade que depois peço perdão, certo, mas e se não der tempo? Ninguém sabe o dia do nosso fim e se não houver arrependimento, não haverá perdão, então você que vive uma vida que desagrada ao Senhor, cuidado! Você pode não ter tempo de se arrepender. Outro erro comum é vermos injustiça na misericórdia de Deus, como pode um bandido da pior espécie, um assassino, estuprador, maquiavélico ser perdoado? Nossa mentalidade justiceira e imperfeita não consegue assimilar o perdão, dos outros, claro. Ao entregarmos nossa vida ao Senhor de maneira completa, na totalidade dos meus desejos mais mesquinhos; somos nova criatura, eis que tudo se fez novo. Então, pra que arriscar? Melhor viver uma vida na certeza da vitória. Oremos para que o Senhor tenha misericórdia de nós e nos lave de nossos pecados e iniquidades. Deus nos abençoe. 

Pr. Bruno Freitas (Carioca)

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Atos dos Apóstolos 1:8

Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judeia e Samaria e até aos confins da terra.
                                    (Atos 1:8)

Bom dia, meninos, a palavra de hoje nos leva a refletir sobre nossa atitude missionária. Muitas vezes, nos questionamos onde devemos evangelizar, Estados Unidos, algum país muçulmano, Juazeiro do Norte.
Quando Jesus fala aos seus discípulos para serem suas testemunhas em Jerusalém, Judéia, Samaria e até os confins da terra, Ele está dizendo para serem suas testemunhas bem perto, e depois a distância vai aumentando gradativamente. Daí, vem a pergunta: Onde é a tua Jerusalém? Às vezes, pensamos em evangelizar em outro país, mas não evangelizamos a nossa casa, nosso local de estudo ou de trabalho. Desta forma, seu campo missionário pode ser o seu lar, seus amigos da balada, de turma ou de trabalho, pode ser falando ou mesmo através de suas atitudes, e até mesmo apoiando um missionário, dando suporte em oração ou abençoando financeiramente, não importa. O importante é estar atento ao que Deus falar ao seu coração, seja para ir aos confins da terra ou em sua cidade, ou ainda abençoando a quem for. Então, oremos para que o Senhor nos mostre sempre a Sua vontade e nos capacite para realizarmos a Sua obra. Deus nos abençoe.

                                                      Por Pr. Bruno Freitas
                                                                (Carioca)

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Efésios 4:25

Pelo que deixai a mentira e falai a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros.
                            (Efésios 4:25)

Bom dia, meninos, por mais que já tenhamos aceito a Cristo, e em vários aspectos vivemos segundo a vontade do Senhor; existe algo que ainda me inquieta, as pequenas mentirinhas que não conseguimos nos livrar, principalmente no celular. É claro que existem mentiras que trazem o mal e tambem, mentiras mais brandas, porém, tudo é mentira e seja por qual motivo for, desagradam ao Senhor. A mentira dói porque é uma traição, haja vista, que ao perguntar algo, quem pergunta está confiante que você responderá a verdade e ao fazermos o contrário, traímos tal confiança.  Lembremos sempre das palavras de Jesus de amarmos uns aos outros como a nós mesmos, assim sendo, fazer com o outro o que gostaríamos que fizessem conosco. Deus nos abençoe. 

Por Bruno Freitas (Carioca)

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Deuteronômio 6:4-5

Ouve, Israel, o Senhor , nosso Deus, é o único Senhor . Amarás, pois, o Senhor , teu Deus, de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu poder.
               (Deuteronômio 6:4-5)

Bom dia, irmãos, hoje chega até nós uma mensagem de ensino. Nesta passagem, o autor sagrado nos instrui a como devemos nos portar com relação ao nosso amor para com Deus. Ele nos fala que devemos amar a Deus de todo o coração, alma e poder; coração, neste caso, se refere aos nossos sentimentos, com toda nossa mente é com nosso entendimento e com todo o poder, com todas as nossas forças. Desta forma, devemos amar a Deus por inteiro, sem desculpas ou subterfúgios, para que assim Ele possa nos preencher completamente. Sei que muitas vezes não o amamos como deveria, e por mais que vivamos desta forma, não estamos completos e caminhamos com a sensação de que esquecemos algo. Oremos para que possamos amar a Deus de maneira cada vez mais completa e se ainda há alguma área de sua vida a ser trabalhada, peça ao Senhor para te revelar. Que Deus nos abençoe. 

Por Bruno Freitas (Carioca)